Sumi um tempinho…

… e estou de volta. Por conta de vários problemas pessoais, entre eles uma dor nos músculos que movimentam o olho que de vez em quando aparece (e que estou cuidando 😉 ), fiquei um tempo sem postar. Neste exato momento, estou sem muita inspiração pra escrever, então fiquem com o endereço do meu tumblr (que está com várias imagens legais) e com um post fantástico, que eu poderia ter escrito cada linha dele: Tudo igual ou a mesma coisa, escrito pela Mariana do Blá Blá Blá Aleatório:

Quando se escreve para um blog, um dos grandes problemas é a falta de inspiração. Especialmente quando o blog fala de tantas coisas diferentes, como é a proposta do Blábláblá Aleatório (eu juro que eu tento variar!). Uma das coisas que eu faço para procurar inspiração é ler outros blogs que falam de assuntos que me interessam, o que, lógico, acabou me levando a seguir uns 100 blogs através do Google Reader (não sabe como? Leia aqui).

Eu sigo desde blogs de amigos até blogs de pessoas que eu nunca vou ver na vida. Tem blogs de esmaltes e blogs de livros e blogs de gatinhos fofos em situações engraçadas. E uma coisa que eu percebi por ter juntado todos os blogs do mesmo estilo em categorias foi que todo mundo fala das mesmas coisas.

É, infelizmente, devido às parcerias que os blogs grandes (e muitos pequenos) conseguem com editoras, marcas de esmalte, etc., ao ler mais de 1 blog, eu leio várias vezes sobre as mesmas coisas. Esse dias, todos os blogs nacionais de esmaltes, por exemplo, estavam comentando as duas coleções novas da Risque e postando swatches (fotos dos esmaltes nas unhas) das mesmas cores. Quando uma editora lança um livro, manda um exemplar para todos os blogs parceiros: todo mundo lê o mesmo livro, posta a resenha e faz uma promoção. Já cheguei a participar de 12 promoções de um mesmo livro…

Claro que, se alguém quiser que eu expresse a minha opinião sobre seu produto, eu vou aceitar. É muito difícil ter um blog sobre livros/esmaltes/qualquer coisa e se manter só na criatividade e no salário para manter o blog com novidades. Parcerias são uma relação simbiótica e fazem bem tanto às empresas quanto aos autores de blogs, mas fico me perguntando “e o leitor?”. Ele acaba se submetendo a várias versões diferentes da mesma coisa, e embora opiniões diferentes sejam uma coisa boa para quem está interessado em um assunto, às vezes enjoa. Seguindo as editoras no Twitter, dá para sabermos com antecedência qual vai ser o assunto da vez na maioria dos blogs que eu sigo.

O que eu acho que está faltando é se desprender um pouco das parcerias. O livro da vez quando lido porque a editora “mandou” (e uso a palavra aqui com suas duas conotações mesmo) pode proporcionar uma leitura totalmente diferente se fosse lido porque você se encantou com ele num canto da livraria. O mesmo vai para o esmalte ou a coleção da vez: as meninas parecem não conseguir repetir uma cor “velha”, sendo que era A cor do mês passado…

Faz parecer que todos os blogs são a mesma coisa. Muitas vezes não sei diferenciar um blog do outro na lista do Reader. Isso é preocupante, em minha opinião. Cadê a identidade?

Eu queria entrar na lista de blogs seguidos e ver uma resenha de um livro diferente. Queria ver fotos de esmaltes que foram usados porque deu na telha, não porque é a nova tendência. Queria que os blogs fossem feitos mais de “acho legal” e menos de “novidades”. Queria ver mais opiniões e menos divulgações…

Como eu disse acima, claro que eu gostaria de ter parceiras, é um elogio ao conteúdo do blog e à qualidade dos textos publicados. Mas não é meu objetivo número um. Eu quero poder continuar a ler meus livros aleatórios, comprados porque eu gosto do autor, ou gostei da capa, ou alguém me indicou a correr o risco de ser mais um blog que fala das mesmas coisas por aí. E eu fico me perguntando se os autores dos blogs que eu leio, que têm mil-e-um (ou mais) seguidores no Facebook, não se preocupam com isso. Será que eles estão tão seguros do que estão fazendo que não percebem que todo mundo está fazendo igual? Ou será isso é paranóia minha e são todos diferentes mesmo e os outros seguidores (que provavelmente, como eu, seguem mil outros blogs) conseguem diferenciar um blog do outro e eu que sou a tapada que não consegue?

(Eu citei esmaltes e livros porque eu sigo muitos blogs sobre esses dois assuntos, mas imagino que coisas parecidas ocorram com blogs de outros assuntos).

Não é a primeira vez que eu penso em escrever sobre esse assunto. Só estava esperando conseguir juntar os fragmentos de dúvida em frases coerentes. Espero não ter ofendido ninguém com o meu texto, ele começou como um desabafo, nunca tive a intenção de “falar mal” de ninguém.

 

 

Anúncios

3 comentários em “Sumi um tempinho…

  1. Olá querida, que bom vc ter voltado, estava mesmo sentindo a tua falta. Concordo com cada letra do texto que vc postou. Por coincidência, há alguns dias falei sobre isso no meu blog, ou seja, nos meus motivos para não fazer resenhas. Não suma, tá? Grande beijo

    Curtir

  2. Alinde, você está certíssima.
    Também tenho essa preocupação de não escrever o que todo mundo escreve sobre livros e, principalmente resenhas. Escrevo sobre as histórias das minhas leituras e de coisas que julgo importantes divulgadas, daí não fazer parceria com nenhuma editora, embora fique tentada. É bom atrelar-se a um compromisso, você estabelece metas, mas não quero ficar presa nesse ou outro assunto, quero falar do que gosto e do sinto vontade e do meu jeito. Gostei muito do que escreveu e fico feliz de você retomar o blog, estava sentindo falta. Continue, tá? É sempre um prazer ler seus textos. E espero que você fique bem. Bjs.

    Curtir

  3. Concordo com vc quando diz que os blogs sobre literatura precisam inovar, sair da mesmice das resenhas; mas então o blogueiro esbarra num “probleminha” chamado falta de tempo ou então, simplesmente, começa o seu blog com a corda toda e com o tempo devido a falta de apoio ou visitas, mesmo tendo um bom material exposto, acaba desanimando. E com o desânimo vem as malfadadas resenhas e downloads, somente para manter aquele espaço no ar… Nossa! Como estou tétrico hoje!! (rs). Por enquanto ainda não cheguei nessa fase (espero nem chegar), mas alguns amigos blogueiros foram envolvidos pelo fantasma do desânimo.
    No mais, parabéns pela sua sinceridade e coragem em abordar um assunto tão delicado para nós, blogueiros… experientes ou não…
    Abcs!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s